AJURI Novo Airão – Oficina oferece técnicas de compostagem para horta orgânica escolar


O Movimento AJURI de Novo Airão realizou na última terça feira (14), uma oficina de compostagem para cerca de 80 estudantes da turma do Ensino de Jovens e Adultos (EJA) da Escola Municipal Aristoteles Freire Arnoud.

O objetivo da formação foi capacitar professores e estudantes na prática da compostagem para a preparação da horta orgânica escolar, ação coletiva escolhida em uma oficina da “Árvore do Sonho”, realizada no dia 10 de maio deste ano.

Além da demonstração prática, os voluntários do AJURI, Pablo Pacheco, gestor da Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Rio Negro pelo Departamento de Mudanças Climáticas e Unidades de Conservação – DEMUC da Secretaria do Meio Ambiente do Estado do Amazonas e Sérgio Chaves, da Secretaria de Produção de Novo Airão, ressaltaram os benefícios da compostagem como a redução do lixo doméstico, o incentivo na prática do descarte correto dos resíduos sólidos, do não uso de pesticidas e das queimadas para o plantio, além das consequências na segurança alimentar.

13442605_1362268143788810_5566383774678583833_o

Além da escola Aristóteles, o AJURI está promovendo esta mesma ação nas escolas Raimundo Nonato e Violeta Cardoso Alves de Mattos Areosa. Para um dos coordenadores do AJURI, o técnico do Programa Gente pra Conservação da FVA, Tarcísio Magdalena, o engajamento nas escolas é fundamental. “Como todo o processo do AJURI, a mobilização inicial é importante, no entanto, fazer o público entender a proposta oferecida é fundamental. Após a oficina, boa parte dos presentes apoiou a iniciativa e se colocou à disposição de contribuir com o projeto trazendo os restos de alimentos de casa.

Os vídeos A Revolução dos Baldinhos ( https://www.youtube.com/watch?v=kv0bhlAD9o0)
e Vida em Sintropia (https://www.youtube.com/watch?v=gSPNRu4ZPvE) também foram apresentados.

Share this post

No comments

Add yours

Translate »